Blog

Limpeza de cozinha passo a passo

Limpeza de cozinha passo a passo

Limpeza de cozinha passo a passo

Este artigo ensina-te passo a passo a efectuar uma limpeza de manutenção da cozinha que podes efectuar com regularidade e com a garantia de otimização do tempo e eficácia máxima.

Porquê limpar a cozinha regularmente?

A cozinha, assim como o WC, são ambientes húmidos, com temperatura amena, logo mais propícios ao desenvolvimento de microorganismos nocivos que os chamados ambientes secos. Por isso, além da limpeza, devemos ter o cuidado de fazer também a desinfeção.

Asseguramos a desinfecção através do uso de produtos apropriados e da utilização exclusiva dos utensílios de limpeza nas suas respectivas áreas. Use uma cor de pano para cada superficie. Eu gosto de usar vermelho para gordura, azul para os vidros e amarelo para as bancadas. Pode ainda fazer uma limpeza mais eficaz recorrendo a panos de microfibra específicos.

1. Retirar o lixo

Começamos por arrumar o que está fora do lugar, retirar a loiça da máquina e eliminar algum lixo que possa existir nas superfícies. Deitamos o lixo fora e colocamos o caixote do lixo, (parte interior e exterior) a desinfetar. Para a desinfeção do balde do lixo pode usar VIRCOV TEX ou pulverizar com uma solução de ACTICLOR e deixar atuar alguns minutos. Depois enxaguar, passando uma folha de papel húmida.

2. Limpar o forno, fogão e exaustor

Enquanto o lixo fica a desinfetar podemos aplicar o desengordurante POWER no fogão, forno e exaustor. Dar alguns minutos para os produtos atuarem é muito importante e na maioria das vezes faz com que depois não seja necessário esfregar pois a gordura já está dissolvida.

Cuidados a ter:

  • Sempre que possível nas limpezas tenha o equipamento desligado da electricidade.
  • Caso existam orifícios no forno estes devem ser protegidos aquando da pulverização dos produtos de limpeza, pode ser usado papel absorvente ou fita de pintor.
  • Para maior segurança o forno deve ser limpo num dia em que não vá ser utilizado e a porta deve ser deixada aberta até que esteja completamente seco.
  • No final da limpeza deve ser bem enxaguado com um pano húmido para retirar alguns resíduos.
  • Para gordura difícil ou comida acumulada pode usar um bocadinho de detergente da loiça numa esponja com água quente. Nunca usar palha de aço ou esfregões abrasivos porque riscam o forno.
  • A maioria das grelhas do forno e bicos do fogão podem ser lavados na máquina da loiça.
  • Atenção: fornos de paredes cataliticas ou que fazem limpeza pirolitica só podem fazer limpeza manual ocasionalmente. Nestes casos consulte sempre o manual.
  • Placas de vitrocerâmica têm, na maioria dos casos, produtos recomendados e são muito sensíveis a riscos.

Para o fogão, exaustor e outros materiais em inox o primeiro passo da limpeza é sempre desengordurar.

Para a manutenção do aço inoxidável é aconselhado o uso de um produto de polimento, como o INOFLASH

Enquanto os produtos atuam vamos aproveitar para limpar outras superficies da cozinha como armários e vidros, sempre com o cuidado de limpar de cima para baixo

3. Limpar armários

Como disse no parágrafo anterior iniciamos com os armários superiores, que, com regularidade semanal devem ser limpos, no exterior e todos os meses ou sempre que é necessário fazer a limpeza a fundo (dependerá do uso que lhe é dado). Devemos retirar o conteúdo de armários e limpar com um produto multiusos.

Cuidados que devemos ter:

  • Na limpeza regular se for de madeira, usar sempre um detergente neutro, como o BIO CLEAN e após a limpeza secar com um pano.
  • Quando houver necessidade de usar o desengordurante (porque na cozinha é natural que se acumule gordura) enxaguar com água morna e secar.

4. Bancadas

Podem ser limpas da mesma forma que os armários, tendo sempre atenção ao material e ao tipo de sujidade que existe, no meu caso gosto de alternar semanalmente o desengordurante POWER com o multiusos, BIO CLEAN.

5. Paredes de mosaico e azulejo

Devem ser limpas com um produto multiusos, recorrendo a um pano ou mopa de microfibra humedecida. Caso existam resíduos de gordura nas juntas pode-se pulverizar com uma solução de cloro como o ACTICLOR e uma escova (tipo escova de dentes velha, mas suave) e enxaguar.

6. Lava-loiças

Para o lava-loiças existem também alguns cuidados a ter. A limpeza deve ser feita com o desengordurante, porém deve também ser intercalado com o produto de manutenção do inox, na pia e nas torneiras. O produto para inox, INOFLASH é aplicado em seco e sem diluição.

A canalização do lava-loiças, não deve ser descurada. Além de aconselhar o uso da grelha que impede a passagem de restos para os canos e a lavagem do ralo com escovilhão e desengordurante, deve ser usado regulamente um produto para dissolver as gorduras acumuladas, o BOOM DRAIN.

7. Electrodomésticos (máquinas de loiça, frigorifico e robots de cozinha) e bancadas

Devem ser limpos com o multiusos (que seja de grau alimentar) ou uma solução de água e vinagre de limpeza. Atenção ao material da bancada, para maior segurança usar sempre produtos neutros, bancadas calcárias não podem ser limpas com produtos ácidos.

Devem ser executadas as manutenções dos electrodomésticos regularmente. Descalcificar máquina de café, limpeza do filtro da máquina da loiça, colocação de sal e abrilhantador são alguns cuidados a ter. Na Inokem o detergente para a máquina da loiça MACH POWER já auxilia com a remoção do calcário.

8. Vidros

Usar um produto adequado para vidros, como o ECO GLASS. Para uma limpeza mais rápida, no caso de janelas grandes ou portas em vidro podemos conjugar com um pulverizador que crie uma núvem mais abrangente como o NEBU 1.

9. Chão

Chegamos ao fim da limpeza. Antes de lavar o chão ele já deve ter sido aspirado ou varrido, para evitar o arrastamento de particulas. Para o chão aconselho o uso de detergente apropriado (como o BIO CLEAN) ou no caso da limpeza a fundo, gosto de usar uma pastilha de ACTICLOR diluida num balde de água. Se for possivel limpar com uma mopa que pulveriza a solução e limpa, é excelente porque poupa água e a limpeza é muito eficaz.

Se tiver que usar a esfregona, use uma turbo que é mais eficaz com as suas microfibras captura toda a sujidade e com a centrifugação confere à esfregona o grau de humidade adequado para a limpeza do chão.

A direcção deverá ser sempre a caminho da porta para não pisar as zonas que já limpou. Deixar secar ao ar.

Não sei se reparou, mas é possivel limpar toda a cozinha com poucos produtos e que usa no resto da sua casa. Praticamente todas as soluções que lhe propus são concentradas e ecológicas, que é um cuidado que devemos ter, não apenas pelo planeta, mas também pelo bem estar da nossa família.

 

Diana Silva é personal organizer e criadora da Maternidade Descomplicada. O seu foco é descomplicar a vida das famílias através da organização da casa e da rotina familiar. Atua como instrutora de organização na OZ!Organize sua vida e dá formação a empregadas por isso está sempre atenta aos melhores e mais eficazes métodos de limpeza. Para conhecer melhor o seu trabalho pode visitar o seu website ou acompanhar o seu conteúdo no Instagram.

Link website - http://maternidadedescomplicada.com/
Link instagram - https://www.instagram.com/maternidadedescomplicada_/

 

Diana da Maternidade descomplicada


×